Contato
 
A Coopertec desenvolve projetos sustentáveis que visam melhorar o trabalho e a qualidade de vida dos agricultores. Neste sentido, há várias experiências desenvolvidas em agroecologia e bioconstrução, as quais estão focadas na preservação ambiental e na difusão de tecnologias ecologicamente corretas.

Agroecologia

A Coopertec desenvolve programas de incentivo ao processo de transição do atual modelo de agricultura convencional para estilos de agriculturas sustentáveis. Ela entende que essa conversão é fundamental para melhorar a perspectiva econômica, social, ambiental, cultural, política e ética da Agricultura familiar; e que as estratégias de desenvolvimento sustentável devem impulsionar uma mudança no meio rural e na agricultura para reorientar ações de assessoria ou assistência técnica e extensão rural.

Bioconstrução

A Bioconstrução é um ramo da arquitetura que busca a máxima integração do ambiente construído com o ambiente natural. É uma ferramenta para a construção de ambientes sustentáveis e que permite a construção de diversas edificações na propriedade, entre elas habitações, galpões, paióis, garagens, salas de ordenha, salas de resfriadores de leite, galinheiros, chiqueiros, estábulos, instalações para agroindústrias e para turismo rural, cisternas e saneamento ecológico. As técnicas tradicionais utilizadas são adobe, superadobe, taipa de pilão, pau a pique, cob, cordwood e solocimento, as quais utilizam para a construção materiais locais e naturais como terra, pedras, madeiras e bambu.

A proposta é privilegiar diferenças regionais em clima e cultura, as necessidades funcionais e de dimensões das famílias, os aspectos bioclimáticos para oferecer conforto e eficiência energética e ainda materiais que proporcionem redução de custos e com menor agressão ao meio ambiente. Um dos diferenciais é o aproveitamento eficiente da energia solar e dos ventos, promovendo o conforto térmico sem gastos extras de outras formas de energia. Além disso, há a promoção da autonomia tecnológica, tornando as famílias capazes de construir com essas técnicas.

A Coopertec e a Cresol Central SC/RS promovem a capacitação da mão de obra para a realização das obras, o que garante a qualidade e a apropriação do conhecimento pelos agricultores familiares. Conheça algumas técnicas e experiências em Bioconstrução conduzidas pela Coopertec:

Adobe
 
Uma das técnicas mais antigas da humanidade. Os adobes são tijolos de terra moldados e secos ao ar livre, ou seja, não necessitam ser queimados.
 
Pau-a-Pique
 
Técnica amplamente utilizada no interior do Brasil. Consiste na construção de estrutura e tramado de madeira com preenchimento de barro para a realização das paredes.
 
Terra ensacada e compactada
 
Técnica construtiva de paredes autoportantes que utilizam sacos de ráfia (para adubos e rações em polipropileno) ou raschel (para frutas em polietileno) empilhados com terra local compactada.
 
Taipa de pilão
 
Esta técnica, bastante antiga, consiste na confecção de paredes com terra comprimida em formas de madeira.
 
Solocimento
 
Consiste na utilização de terra arenosa com adição de uma fração de cimento para a confecção de tijolos e paredes modulares e contrapisos. A massa de terra (terra + cimento) pode ser prensada, no caso dos tijolos, ou compactada, no caso das paredes modulares e contrapisos.
 
Ferrocimento
 
O ferrocimento é um material constituído de uma argamassa de cimento e areia envolvendo um aramado de vergalhões finos e telas.
Sendo de fácil apropriação e baixo custo, é usado para a confecção de cisternas, caixas d'água, pequenos silos e reservatórios, biodigestores, calhas e telhas.
 
Saneamento Ecológico
 
O Sistema Modular de Separação de Águas (SMSA) desenvolvido pelo Engenheiro Civil Luiz Augusto dos Santos Ercolo, tem como princípio a separação das águas servidas e cinzas de modo que cada uma receba o tratamento adequado. O tratamento passa por um “polimento” final em um leito de evapotranspiração e infiltração no solo onde devem ser cultivadas plantas que podem ser ornamentais, frutíferas ou hortaliças.
 
Aquecimento Solar de Baixo Custo
 
O ASBC desenvolvido pela Sociedade do Sol (www.sociedadedosol.org.br) é um sistema confeccionado a partir de componentes hidráulicos de PVC encontrados em lojas de construção e que tem um baixo custo. O objetivo é substituir parcialmente a energia elétrica consumida nas residências usuárias de chuveiro elétrico.